Caralho! Eu assisti Deadpol





Puta merda! Eu assisti Deadpol





Desculpe amigo leitor, se você não curte palavrões este texto não é para você e muito menos o filme.





Eu não conhecia este personagem dos quadrinhos, por isso assisti à película apenas sabendo a premissa: a história de vingança de um cara transformado em mutante.

Zuera! É que um filme desses merece uma resenha que combine com ele né.







O plot é situado em ambiente underground nem um pouco perfeito. Temos o nada convencional envolvimento do desbocado ex-militar Wilson(Ryan Reynolds) com a não menos estranha prostituta Vanessa (Morena Baccarin). A química do casal é enérgica, contagiante e louca. Assim temos motivos suficiente para entender o sofrimento do protagonista. Mesmo tendo a comedia prevalecendo, ainda sim sobra minutos para nos emocionarmos com seus dramas. 





Todo o elenco está ótimo, mas show é realmente do Reynolds, sem o seu carisma e sua acidez Deadpol não seria bem representado. A grande sacada do roteiro é justamente tirar o endeusamento dos super heróis e mostrar todos seus traços de loucura/humanidade. Isso é passado com fluidez e com entrega às câmeras nos fazendo acreditar que é crível.


Com certeza você nunca viu o Superman peidando ou dando de quatro para namorada. :O


Aqui a equipe teve medo de absolutamente nada, todos os arquétipos do gênero são esculachados e criticados de maneira hilária. 



Porém a estética e qualidade de efeitos especiais não são deixados de lado. A direção é consciente e sabendo dosar as cenas na medida certa. O filme não deixa de exaltar a violência, honra e senso de justiça popular. A equipe de arte faz a carnificina se tornar banal, e em vários momentos engraçada. O recurso da câmera lenta foi usado de maneira nada cansativa. Dentro do universo dos super poderosos, é mais que verdadeiro criar super heróis problemáticos que não se encaixam em padrões já predefinidos. Dê uma olhadinha na personagem Jessica Jones.

A trilha sonora ajuda compor o humor do protagonista, passando por rap a flash back.

Ponto Positivo

Hilário! Para quem curte humor debochado vai ser uma experiência ótima. Simplesmente cumpre o que promete.

Ponto Negativo

Não houve muito tempo para desenvolver o vilão. Ele acabou ficando desinteressante perto dos outros personagens, a rivalidade construída entre os dois foi bem fraca.





Por fim, o mais legal foi ver esse louco de bundinha sexy haha quebrando a quarta parede e interagindo com o público.

Se você quiser tirar pouco mais de duas horas para perder sua sanidade e rir de babaquices sem noção, este filme é nota 10.



Sim, eu sei que passei dos limites. É bom de vez em quando né.



Até a próxima pessoal.



Comentários

  1. Oi Beto!
    Ainda não assisti ao filme, mas tenho vontade!

    Beijos,
    Epílogos e Finais

    ResponderExcluir
  2. Gostei da dica Beto. Só ouço excelentes comentários a respeito deste filme e se tiver oportunidade, pretendo assisti-lo. Abraço!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito de ver esse filme, nem vi ele passar, do tanto que ele prendeu a minha atenção.
    Demais!

    http://jj-jovemjornalista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele também me prendeu a atenção, realmente é um dos filmes do ano.

      Excluir
  4. Olá, Beto.
    É exatamente por causa do ator que não quero ver esse filme. Ele de super herói não desce hehe. E agora que sei que tem palavrões, ai sim que não quero ver.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se humor debochado, com palavrões te incomoda realmente esse filme não é pra você. Continue seguindo o blog que costumo fazer resenhas de diversos estilos diferentes. Talvez uma delas te agrade :)

      Excluir
  5. Oi Beto!
    Esse universo de super heróis não me interessa muito, por isso não me animei a assistir o filme.
    Achei uma pena o vilão ser pouco desenvolvido. Adoro bons vilões.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá, Beto! Tudo bem?
    Ainda não vi Deadpol, mas pretendo ver. Gostei bastante do seu ponto de vista, parece uma obra bem divertida e inusitada de se assistir.

    Um ótimo fim de semana. Até mais!
    http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Beto, tudo bem?

    Eu perdi a oportunidade de ver o filme no cinema! Estava muito atarefada e o cinema daqui tirou ele de cartaz depois de duas semanas! ¬¬*
    Sempre achei esse estilo de humor ácido muito legal. A vida é muito chata quando a gente não liga o f*da-se às vezes, né? hahahahahah
    Vou tentar assistir online, é feio, mas é o que me resta.

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  8. Eu assisti essa semana.. E amei, morri de rir kkkkkk muit bom, adorei!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Trilhas sonoras#1 Se Eu Ficar

Resenha: O Poder dos Quietos - Susan Cain

Resenha: Malévola