Dias Iguais - Sandy participação Nerina Pallot

E aí pessoal?



Esta é a minha música predileta do álbum Manuscrito, de Sandy. Ele dá início a uma fase bem mais intimista, trazendo músicas que refletem a personalidade e as vivências da cantora. Como gosto muito desse trabalho dela, separei essa música para mostrar a vocês a minha visão sobre a letra e os sentimentos que ela desperta em mim.


Dias Iguais



A música abre com o lindo solo de piano mostrando suas delicadas notas, assim como a voz das cantoras.


Pode variar conforme a região e época do ano,  o céu vermelho me remete ao amanhecer, as coisas que esperamos ao acordar.
Ao se cobrir de azul, o dia já se iniciou.
Mesmo estando longe, ela sente o respirar de quem ela estava aguardando.


O dia se cobriu de frio, se tornou mais triste.
Aparece o Bem-te-vi. Ela o vê cantar e reflete sobre sua vida. O pássaro canta e a observa tentando esconder o seu choro, a sua solidão.

Agora, o belo refrão:

A narradora passa por dias de marasmo, dias de tristeza. O que restou para ela foi sofrer contemplando a natureza.

Com vocês, não menos importante, Nerina Pallot:


Nas mais solitárias horas da noite
Eu desenhei o céu ao meu redor
Nas horas em que a luz desaparecia
Eu apenas sonhava e esperava por você


E como um rouxinol
Meu coração partido poderia cantar
Por essas gotas amargas
E asas quebradas

Aqui percebo que se trata de outra pessoa, ao meu ver a que a primeira narradora estava esperando. Mas, ao contrário dela, sente sua falta durante suas noites agoniantes e depressivas.





Dia após dia
De cores infinitas
Estas horas intermináveis
Eu contemplei
Dia após dia
É como um rio congelado
Onde o tempo permanece

Eu sento e espero

Assim como no primeiro refrão, a narradora sofre com seus dias metódicos, de agonia e solidão. Então, resta a ela
apenas contemplar o rio que assim como a sua vida, está congelado.

A música se desenvolve com o restante da banda e temos então a fusão da voz das cantoras, que demonstra todo o sofrimento contido na saudade entre as personagens.

Por fim, a repetição do refrão inicial finaliza esta fantástica canção.



E aí? Gostou da música? Então comente. Qual foi a sensação e o sentimento que ela despertou em você? Eu gostaria muito de saber. Tem outra opinião? Ah, não gostou? Comente assim mesmo, adoro ver ideias e gostos diferentes.

Até mais.

P.S. Detesto o uso de featuring na língua portuguesa, pessoal a palavra PARTICIPAÇÃO existe no nosso dicionário, tá.



Comentários

  1. Heey!
    Eu não costumo ouvir as músicas da Sandy, mas Dias Iguais está excelente!
    Devo dizer que fiquei de certa maneira comovido...
    Adorei seu blog, é fascinante! Já estou seguindo haha
    Abraços!
    Blog - Desbravando o Infinito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por seguir, pode deixar que vou conhecer o seu espaço.

      Excluir
  2. Acho que desde minha adolescência que não ouvia a Sandy, rsrsrs...
    Acabei de ouvir a música e concordo com você, é muito bonita.
    Abraços.

    www.sobrevicios.com.br

    ResponderExcluir
  3. Adoro a Sandy, desde criança. E essa música é especialmente linda!

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este álbum é lindo, vale muito apena ouvir

      Excluir
  4. Não conhecia a música. Para ser sincero eu ainda não tinha parado para ouvir, Manuscrito da Sandy, mas gostei da música e vou ouvir o albúm completo.

    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostei bastante dessa nova fase dela, acredito que você não vai se arrepender.

      Excluir
  5. Não sou muito fã da Sandy não, mas a letra confesso que é muito bonita.

    Um beijo,

    http://alicetwins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, ela está em uma fase muito boa

      Excluir
  6. Eu adoro a Sandy desde que eu me entendo por gente! Desde que ela se lançou ao mundo das carreiras solos, fiquei com medo de que ela se apagasse... mas a estrela dela é impossível de se apagar! Eu adoro tudo o que ela escreve e canta, o sentimento imposto em tudo é muito inspirador!

    Beijos!
    Fabi Carvalhais
    http://pausaparapitacos.blogspot.com.br @pausaparapitacos facebook.com/pausaparapitacos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, transmite muito sentimento esta musica.

      Excluir
  7. Nã gosto muito da cantora, mas essa música é linda.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do top comentarista de janeiro. Serão dois vencedores!

    ResponderExcluir
  8. Olá! Achei seu blog muito bom e indiquei para o premio Dardos, dê uma olhada no post http://abobrinhacomchocolate.blogspot.com.br/2016/02/premio-dardos.html
    Beijooos!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Trilhas sonoras#1 Se Eu Ficar

Resenha: O Poder dos Quietos - Susan Cain

Resenha: Malévola